Marketing

marketingO marketing é o elemento do negócio em que é mais fácil fazer alterações que levem a melhores resultados.

Temos o mesmo custo fixo, despesa, tempo necessário e custo de oportunidade quando um comercial está a fazer chamadas que ele consiga agendar 1 reunião, 5 reuniões ou 50 reuniões.

A despesa para o negócio é a mesma independentemente da performance do nosso marketing. Seja um anúncio que recebe 1 ou 1000 respostas ou um comercial que venda 5 ou 100 produtos num mês, um cliente que faz 10€ em compras ou 5000€ em compras.

Conseguindo mudar a performance de qualquer táctica de marketing temos um efeito profundo no volume de receitas e lucro. O efeito combinado da melhoria da performance de diversas tácticas de marketing vão trazer crescimento exponencial ao nosso negócio.

O marketing é o primeiro elemento do negócio que deve ter a nossa atenção.

Analisar o nosso marketing

Começar com uma auditoria interna ao marketing e um inventário do nosso negócio.
Identificar todas as actividades de marketing, processos e elementos que estão em acção.
Descobrir quais as actividades que estão a ter a melhor performance e focar-se em melhorar estas actividades primeiro.

Procurar dentro da nossa organização

Procurar quem é o melhor a fazer as actividades em que queremos focar.

Modelar, codificar e replicar as pessoas com a melhor performance no que fazem e depois apoiar a que todas as outras pessoas na organização apliquem os métodos dos melhores ou adicionem os melhores pormenores ao seu método.

Procurar fora da nossa organização

Procurar noutras empresas fora e dentro da nossa área de actuação outras formas de fazer marketing, vendas, geração de leads, conversão, funis de vendas e modelar os melhores processos.

Procurar fora da nossa indústria

Procurar noutras indústria relacionadas e não relacionadas com a nossa por melhores práticas. Observar um espectro mais abrangente de oportunidades que outras pessoas descobriram e refinaram com sucesso dentro de identificar prospectos, venda directa, criação de anúncios, fazer melhores apresentações, conseguir reuniões e atrair pessoas às feiras profissionais.

Assim adaptar, adoptar e canalizar estas três abordagens à inovação no nosso negócio. A chave é fazer deste um exercicio regular e ter um processo em que conseguimos testar, medir, monitorizar, analisar, quantificar e detectar quantos elementos podemos utilizar para melhorar a nossa abordagem actual.

Adicionando componentes e substituindo componentes com performance abaixo do esperado que não estão a justificar o tempo, esforço e custo de oportunidade que exigem.

Pin It